• vitoriamartins3

Dia de São Francisco de Assis



Dia 4 de outubro é mundialmente conhecido como o Dia de São Francisco de Assis, mesmo dia de sua morte em 1226. Apesar de ter vivido apenas cerca de 45 anos, São Francisco viveu uma vida de verdadeira abnegação. Até os tempos atuais é um exemplo de solidariedade e de defesa dos mais pobres e excluídos da sociedade.

Sua caminhada de renúncia dos bens materiais, prazeres e interesses individuais em prol dos mais necessitados levou-o a consolidar-se na figura que hoje conhecemos e tanto admiramos. Sua evolução espiritual foi gradual, levando décadas para alcançar a perfeição com Cristo, ao receber suas chagas no Monte Alverne.

A Vida de Francisco

Sua jornada iniciou-se em 1205, quando partiu para a Guerra de Apúlia para lutar na cruzada sob comando de Gautier de Brienne. Logo ao partir recebeu um impulso de generosidade e cedeu seus ricos trajes e armadura que havia adquirido para si à um amigo mais pobre. Entretanto, apenas no povoado de Espoleto, recebeu uma visão e mensagem mais claras de Deus.

Em sonho, lhe foi feita a pergunta “A quem queres servir: ao Servo ou ao senhor?”, a qual Francisco respondeu “Ao senhor, é claro!”. A voz então, voltou a dizer-lhe: “Por que insistes então em servir ao servo? Se queres servir ao Senhor, retorna a Assis. Lá te será dito o que deves fazer!”.

Neste momento, Francisco entendeu que buscava apenas a glória humana e passageira. Satisfazendo apenas as vontades de pessoas ambiciosas e mesquinhas, e não a vontade do Senhor do Universo.

O jovem começou então sua longa busca e espera para responder perguntas que persistiam em sua mente: “O que Deus quer de mim? O que Ele quer que eu faça?”.

Para tentar desvendar os desígnios de Deus, passou a se dedicar à oração e à meditação. Percorria campos e florestas em busca de lugares mais tranquilos, em busca de respostas para suas dúvidas e inquietações. Para ele, tudo passou a ter outro sentido. Passou a enxergar as coisas com outros olhos e outro coração.

“Francisco que, em primeiro momento, deseja ir para o combate, depois opta por criar um novo caminho, elaborando um novo projeto de vida para si e seguindo outros valores”, afirma Frei Marx dos Reis, vice-diretor do SEFRAS. “O que até aquele momento era um caminho de guerra, se tornou um caminho de mudança, de conversão e de fé”.

Este capítulo da vida de São Francisco nos mostra que podemos repensar nossas ações e optar por uma mudança de caminho. E frente ao contexto atual, tal reflexão se torna cada dia mais necessária e urgente, tanto em âmbito nacional quanto mundial.

Nos tempos atuais vivemos verdadeiras crises políticas, sociais, econômicas e ambientais. Com a quantidade de pessoas em situação de fome aumentando a cada dia, maior taxa de desemprego, desmonte de políticas públicas, desmatamento e a exploração da natureza aumentando em níveis exponenciais, vivemos em uma realidade repleta de violência e desesperança.

Esse chamado é reforçado na encíclica Laudato Si, na qual Papa Francisco afirma a necessidade de mudança. E nos propõe "passar do consumo ao sacrifício, da avidez à generosidade, do desperdício à capacidade de partilha”.

Ainda para o frei, “nesse tempo de tantas dificuldades e tantos projetos de morte, Francisco nos aponta um caminho de repensar para onde estamos indo. Se de fato nossos anseios representam a vida ou a morte”.

O SEFRAS

O Sefras é uma organização humanitária que luta todos os dias no combate à fome, a violações de direitos e inserção econômica e social de populações extremamente vulneráveis: pessoas em situação de rua, crianças pobres, imigrantes e refugiados, idosos sozinhos e pessoas acometidas pela hanseníase.

Guiados pelos valores franciscanos de Acolher, Cuidar e Defender, atua pelo Brasil atendendo mais de 4 mil pessoas todos os dias. São serviços diários que promovem apoio social e jurídico para população em situação de rua, acolhimento e inclusão social de imigrantes, contraturno escolar para crianças e adolescentes, convivência e proteção de idosos, além de ações de defesa dos direitos e melhoria de políticas públicas voltadas a esses grupos.

Para ajudar quem tem fome na cidade de São Paulo e do Rio de Janeiro, o Sefras atua distribuindo mais de 2 mil refeições diariamente, além de distribuir cestas básicas, itens de higiene e cobertores e roupas de frio.

Ajude o nosso trabalho nesse dia especial. Você pode ajudar doando itens , em São Paulo, no Chá do Padre, na Rua Riachuelo, 268 – Centro. Tel: (11) 3105-1623 e no Rio de Janeiro na Tenda Franciscana no Largo da Carioca, s/ n, Centro.

Você também pode doar qualquer quantia pelo nosso site ou pelo pix: sefras@sefras.org.br.

20 visualizações0 comentário